Untitled Document
 
 
E-mail: adautodias@msn.com
 
 
 
30 de Julho de 2017 às 18h01min
Com ajuda da arbitragem Fla empate com o Corinthians que pode perder vantagem na ponta
Com o resultado, o Timão se mantém na liderança da competição, com 41 pontos, e agora espera o jogo entre Grêmio e Santos para saber qual será sua distância ao segundo colocado.
Gazeta Press

O Corinthians esteve perto de perder a sua invencibilidade na tarde deste domingo, no estádio de Itaquera, mas ficou no empate por 1 a 1 com o Flamengo. O time da casa, contando com a força da sua torcida, abriu o placar com o Jô duas vezes, uma delas anulada de forma errada pela arbitragem, ainda no primeiro tempo. Na etapa final, os cariocas pressionaram muito, empataram com Réver e ficaram mais perto da vitória do que os anfitriões.

Com o resultado, o Timão se mantém na liderança da competição, com 41 pontos, e agora espera o jogo entre Grêmio e Santos, às 19h, (de Brasília), para saber qual será sua distância ao segundo colocado. O Mengão, em busca de um encaixe melhor para os seus ótimos jogadores, tem 29 pontos, buscando um lugar entre os quatro primeiros do torneio.

Na próxima rodada, os comandados de Fábio Carille têm mais um embate de tradição pela frente, contra o Atlético-MG, na quarta-feira, às 21h (de Brasília), no Mineirão. Já Zé Ricardo e sua trupe, por outro lado, novamente atuam em São Paulo, dessa vez contra o Santos, no estádio do Pacaembu, às 21h45 (de Brasília) da quarta.

Jô marca duas vezes, só uma vale

O jogo começou com o Corinthians pressionando a saída de bola e tentando usar a boa presença da torcida para fechar o Flamengo na sua defesa. Com muita qualidade técnica do meio para frente, porém, o time carioca rapidamente respondeu e teve as duas primeiras chances de perigo, com Paolo Guerrero. Em dois chutes, um dentro e outro fora da área, ele levou perigo ao gol de Cássio, mandando à esquerda da meta.

Quando parecia que os flamenguistas tomariam conta da posse de bola, o Timão mostrou suas garras. Em contra-ataque puxado por Marquinhos Gabriel, Rodriguinho teve paciência, rodou a bola e encontrou Maycon, livre no meio da área. O volante cruzou rasteiro e Jô empurrou para as redes, mas o bandeira marcou impedimento do camisa 7. O centroavante, porém, estava muito atrás da linha da bola na hora do passe, em posição legal.

Sem se abalar com o erro, o Timão manteve sua postura de segurar as investidas do adversário e sair rapidamente no contra-ataque. Foi aí que Balbuena antecipou Guerrero e partiu em velocidade no contra-ataque, acionando Jô pouco depois do meio-campo. O centroavante ganhou na velocidade de Pará, ajeitou para o pé esquerdo e chutou forte, cruzado. Diego Alves caiu um pouco atrasado e os donos da casa, dessa vez, abriram o placar.

O gol não mudou as estratégias, com o Alvinegro levando perigo em contragolpes e os visitantes apostando nas bolas alçadas na área, principalmente pelas diversas faltas cometidas pelos corintianos. Em nenhuma das duas estratégias, porém as equipes conseguiram criar chances claras. Digno de nota apenas a lesão de Marquinhos Gabriel, que sentiu lesão muscular e tinha boa atuação até ser substituído por Giovanni Augusto.

Flamengo martela, empata e quase vence

O Flamengo voltou com uma modificação para a etapa final, colocando Willian Arão no lugar do colombiano Cuéllar, bastante discreto nos 45 minutos iniciais. Com uma equipe mais ofensiva, a primeira chance veio para o time do Rio de Janeiro, em mais uma bola levantada na área corintiana. Em cruzamento de Diego, Guerrero ganhou pela primeira vez de Balbuena e apareceu frente a frente com Cássio, mas chutou mal, para fora.

A resposta corintiana veio em contra-ataque rodou da direita para a  esquerda, com Rodriguinho de maestro. Ele acionou Arana na esquerda, o lateral chutou cruzado e Jô quase desviou no meio da área, mas chegou um pouco atrasado. A tréplica dos rubro-negros veio em grande estilo: escanteio cobrado pelo lado esquerdo e Juan subiu muito alto para testar. A bola quicou e Cássio, bem posicionado, fez excelente defesa.

Os primeiros 20 minutos do segundo tempo foram de pressão intensa, sem deixar o Timão sair do seu campo de defesa. Carille, então perdeu Clayson e mandou Pedrinho a campo, melhorando a produção ofensiva da equipe. Quando parecia que o Timão ia melhorar, porém, veio o empate. Em mais um escanteio, Juan ganhou pelo alto novamente e deixou Réver Livre na pequena área. O zagueiro deu um belo voleio e venceu Cássio, que chegou a tocar na bola, mas não evitou o gol.

Os donos da casa saíram de trás e o Mengão teve uma chance de ouro para virar, em contragolpe orquestrado de Guerrero para Berrío, para Arão e para ele. Livre, o meia tirou muito de Cássio e mandou para fora. O jogo ficou aberto, o Mengão seguiu em cima e quase conseguiu a vitória em chute para trás de Pedro Henrique, que atingiu o travessão de Cássio. No minuto seguinte, lindo passe de Arana para Jô, que exigiu linda defesa de Diego Alves e manteve o placar igual.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 1 X 1 FLAMENGO

Local: Estádio de Itaquera, em São Paulo (SP)
Data: 30 de julho de 2017, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (Fifa-MG) e Pablo Almeida da Costa (MG)
Público: 44.682 pagantes
Renda: R$ 2.823378,80
Cartões amarelos: Diego (Flamengo)
Gols:
CORINTHIANS: Jô, aos 22 minutos do primeiro tempo
Flamengo: Réver, aos 26 minutos do segundo tempo

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Balbuena, Pedro Henrique e Guilherme Arana; Gabriel (Camacho), Maycon, Marquinhos Gabriel (Giovanni Augusto), Rodriguinho e Clayson (Pedrinho); Jô
Técnico: Fábio Carille

FLAMENGO: Diego Alves; Pará, Réver, Juan e Trauco (Berrío); Márcio Araújo, Cuéllar (Willian Arão), Diego (Vinícius Júnior), Éverton Ribeiro e Éverton; Guerrero
Técnico: Zé Ricardo


 
Notícias Recentes
São Paulo bate recorde de rodadas dentro da zona de rebaixamento
Flamengo bate o Botafogo no Maracanã e vai à final da Copa do Brasil
Jô marca no fim, Corinthians vence a Chape e abre dez pontos na frente
Sul-mato-grossense, ex-jogador de futebol, peão vence final em Barretos, leva R$ 80 mil e representa o Brasil em Las Vegas
São Paulo empata com Avaí e volta para zona de rebaixamento
Chapecada; Palmeiras estreia camisa com revés contra Chapecoense e sai vaiado
   
 

2006 - 2012 © - Glória News - Todos os direitos reservados.
As notícias veiculadas nos blogs, colunas e artigos são de inteira responsabilidade dos autores.
Desenvolvido por: Ribero Design - tecnologia&internet