Untitled Document
 
 
E-mail: adautodias@msn.com
 
 
 
05 de Junho de 2018 às 07h59min
Associação de Peritos da Polícia Federal vai ao STF para defender voto impresso

Por Matheus Leitão - G1

 

A Associação Nacional dos Peritos Criminais Federais (APCF), que representa uma das carreiras da Polícia Federal, pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) para atuar como interessada na ação que discute a legalidade da adoção do voto impresso a partir das eleições deste ano.

O tema deve ser julgado pelo tribunal nesta quarta-feira (6). O pedido da associação está com o ministro Gilmar Mendes, que pode tomar uma decisão ainda nesta segunda-feira (4).

A Ação Direta de Inconstitucionalidade 5889 foi movida pela Procuradoria-Geral da República contra trecho da minirreforma eleitoral de 2015 sobre o voto impresso. Na visão da PGR, a impressão de um comprovante compromete o sigilo do voto.

O perito criminal federal Marcos Camargo, presidente da APCF, afirma que o voto impresso, contudo, complementa o sistema eletrônico.

“Todo e qualquer sistema unicamente eletrônico está sujeito a falhas e, por isso, a incorporação de um componente analógico de auditoria aumenta de forma substancial sua segurança. Essa é uma constatação prática que orienta a segurança da informação no mundo todo”, explica Camargo.

A APCF representa a carreira da Polícia Federal que tem participado dos testes nas urnas. De acordo com a lei, o voto impresso deve funcionar da seguinte maneira: após a conclusão da votação na urna eletrônica, deve ser impresso um comprovante para o eleitor conferir se o sistema registrou seu voto corretamente.

“O eleitor lê o comprovante através de um visor, ainda na cabine de votação secreta, sem tocar o papel ou levá-lo para a casa”, afirma o presidente da APCF.


 
Notícias Recentes
Vereador Edmilson, Pede redutores de velocidade em 3 ruas de grande fluxo de veículos e pessoas em Deodápolis
Presidente da Câmara, Márcio Teles parabeniza suplente de Vereador Donizete ‘Policia’ por emenda parlamentar para a saúde
DEODÁPOLIS: Por reajuste no piso salarial professores fazem manifesto
Vereador Juninho Lima citou constrangimento em sepultamento que ocorreu em Lagoa Bonita; funerária quase atolou próximo ao cemitério
“Plano de Cargos e Carreiras do Legislativo é um sonho que se tornará realidade!” destacou o Presidente da Câmara Márcio Teles
Presidente da Câmara pediu a AGEPAN o retorno da linha Deodápolis à Campo Grande
   
 

2006 - 2012 © - Glória News - Todos os direitos reservados.
As notícias veiculadas nos blogs, colunas e artigos são de inteira responsabilidade dos autores.
Desenvolvido por: Ribero Design - tecnologia&internet